Nós, gestores de marca, vimos as marcas trazerem resultados incríveis para seus negócios. Vimos as marcas criarem vínculos duradouros com seus consumidores. Mas também vimos as marcas serem relegadas àquilo que não vende, que não se conecta, ao superficial, a algo para fazer depois.


Mas nós, gestores de marca, sabemos também quando o mundo dos negócios está pronto para se transformar.


Somos treinados para compreender a cultura, o contexto e o mercado. E sabemos quando o vento muda de direção. Agora, chegou a hora de assumir nosso lugar e colocar branding em uma posição estratégica nas empresas.

Nem todas as empresas se tornaram símbolos de seu tempo. Mas as que chegaram lá encontraram a fidelidade de seus consumidores, a eficiência de seus custos e um crescimento consistente.

Já vivemos a época das empresas centradas em consumidores. Ela trouxe resultados, sim: vimos reduzir os atritos durante o uso dos produtos; vimos melhorar o atendimento; vimos uma experiência de consumo melhor.


Agora, estamos evoluindo para um novo momento, que valoriza menos a primeira venda e mais a recorrência de uso. Um momento em que uma marca forte busca ter e reter os melhores talentos na empresa; busca consumidores dispostos a continuar consumindo, interagindo e recomendando seus produtos e serviços; busca futuros clientes mais dispostos a tomar a decisão de compra ao saber o que a empresa representa.

Um momento em que o custo de mídia sobe e a disputa pela atenção das pessoas fica cada vez mais acirrada. E o que todos nós buscamos nesse turbilhão de telas, ofertas e informações? Relevância. Estamos, sim, entrando numa nova era: na era das empresas centradas em marca.


E ser centrado em marca não é olhar apenas para a aparência. Pelo contrário. É ser centrado em significado. E o significado vive na interseção entre consumidores e a verdade da empresa. Entre saber o que se é e o que se quer representar.

São grandes propulsoras da nossa cultura, grandes forças da nossa economia.Já se foi a era do produto pelo produto. 



 

E já está entre nós a era do produto com significado. Não em campanhas. Não em mídia. Não só em telas e em ofertas vazias, mas, sim, em atitudes que representam uma essência. E essência não se perde com o tempo.


Cabe a nós, gestores de marca, colocar branding em um lugar estratégico e fazer um mundo mais brand centric. Cabe a nós fazer essa mudança acontecer.

é hora de entrarmos
na era das
brand
centric
companies

Nós, gestores de marca, vimos as marcas trazerem resultados incríveis para seus negócios. Vimos as marcas criarem vínculos duradouros com seus consumidores. Mas também vimos as marcas serem relegadas àquilo que não vende, que não se conecta, ao superficial, a algo para fazer depois.


Mas nós, gestores de marca, sabemos também quando o mundo dos negócios está pronto para se transformar.


Somos treinados para compreender a cultura, o contexto e o mercado. E sabemos quando o vento muda de direção. Agora, chegou a hora de assumir nosso lugar e colocar branding em uma posição estratégica nas empresas.

Nem todas as empresas se tornaram símbolos de seu tempo. Mas as que chegaram lá encontraram a fidelidade de seus consumidores, a eficiência de seus custos e um crescimento consistente.

Já vivemos a época das empresas centradas em consumidores. Ela trouxe resultados, sim: vimos reduzir os atritos durante o uso dos produtos; vimos melhorar o atendimento; vimos uma experiência de consumo melhor.


Agora, estamos evoluindo para um novo momento, que valoriza menos a primeira venda e mais a recorrência de uso. Um momento em que uma marca forte busca ter e reter os melhores talentos na empresa; busca consumidores dispostos a continuar consumindo, interagindo e recomendando seus produtos e serviços; busca futuros clientes mais dispostos a tomar a decisão de compra ao saber o que a empresa representa.

Um momento em que o custo de mídia sobe e a disputa pela atenção das pessoas fica cada vez mais acirrada. E o que todos nós buscamos nesse turbilhão de telas, ofertas e informações? Relevância. Estamos, sim, entrando numa nova era: na era das empresas centradas em marca.


E ser centrado em marca não é olhar apenas para a aparência. Pelo contrário. É ser centrado em significado. E o significado vive na interseção entre consumidores e a verdade da empresa. Entre saber o que se é e o que se quer representar.

marcas são
grandes
ícones do
nosso tempo

São grandes propulsoras da nossa cultura, grandes forças da nossa economia.Já se foi a era do produto pelo produto. 



 

E já está entre nós a era do produto com significado. Não em campanhas. Não em mídia. Não só em telas e em ofertas vazias, mas, sim, em atitudes que representam uma essência. E essência não se perde com o tempo.


Cabe a nós, gestores de marca, colocar branding em um lugar estratégico e fazer um mundo mais brand centric. Cabe a nós fazer essa mudança acontecer.

Veja quem está construindo uma empresa brand centric

Guta Tolmasquim, CEO do Purple Metrics
Eduardo Tolmasquim, CTO do Purple Metrics
Tuna Maia, Founding Team do Purple Metrics
Damaris Valenzuela, Branding & Design Team leader na Sensedia
Fabio Muniz, CEO da Awari
Pedro C Sirotsky, Founder do B1
Gabriel Daré, Diretor da Sindustrial (futura Gali)
Fabrício Nunes, Head Marketing da Goomer
Lucas Prado, Co-founder da Pier
Kadu Nakashima, Coord. de marketing do Nubank
Lucas Mendes de Paiva, Coord. de Conteúdo no Itaú
Renata Neves B. Trevisan, Head of Marketing na Norsul
Mariana Poczapski, Brand Manager na Sled
Bruno Maletta, Sócio da Cliché
Sergio Gorodski Mondrzejewski, PM da Exame
Lucas Gomes, CEO da OndaSkim
Marcelle Lucena, Designer na Brand Gym
Isabela Tamiris, Coord. de Criação na Magnetis Investimentos
Gabriela Portugal Bendzius, Head de MKT & Growth na ClubSaúde
Leonardo Camacho, Chief Revenue Officer na Movidesk
Allisson Souza, Brand & Creative Manager na Jusbrasil
Filipe Francisco de Sales Oliveira, Brand Designer Senior na Cortex
Alexandre Adoglio, Fundador e CMO na Sonica
Eduardo Braga, Head de branding, comunicação e marketing da Metropax
Stevan Justo, Fundador da S/JUSTO
Bruno Israel, Head of Marketing, BizCapital
Eduardo Braga, Head de branding, comunicação e marketing na Metropax
Thiago de Oliveira Sganzerla, Branding Analyst na Pontomais
Lucas Yokota, Head of Marketing na Quanto
Lia Pereira Dullius, Líder de Branding na Aegro
Lucian Daronco, Head of branding na Delivery Much Brasil
Caio Olliveira, Gerente de RP e Branding na Sky Comunicação
Felipe Piragibe, Head de Branding na 4blue
Bruno Baldibia, Especialista em Branding, Marketing e Design na Monte Bravo Investimentos
Carolina Villar, Coordenadora de Branding na Estante Virtual
Paulinho Braga, CEO na Daxx Mídia
Barbara Muzzi, Coordenadora de marketing na Catraca Livre
Rick Bouillet, sócio fundador na inventum
Taciana Cruz, Socia Administradora na Labrys
Patrícia Pierra Benke Leier, Coordenadora de marketing na Bugbee
Renata Caballero, CEO na Caballero Branding
Rafael Pinheiro Costa, CEO & co-founder na Kderno
Luiza Marinho, Gerente de Comunicação Corporativa e Gestão de Pessoas no Hospital São Carlos Saúde Oncológica
Evandro Quintella, Brand Planning Director na Jellyfish
Rodrigo Lopes, Analista de Projetos e Design Thinking na Hepta / RNP
Gabô Oliva, Coordenadora de Marketing no Grupo Soma
Márcio Silva, Coordenador de Marketing no Grupo El Ciruelo
Fabiano Roger Da Silva Rabelo, Gestor de Comunidades na Distrito
Fernanda Viterbo, Coordenadora de Marketing na Rede Verbita de Educação
Roberto Braga, Founder na bxblue

Deborah Porto, head de Branding e Comunicação na Meu Metro Quadrado

Graziela Guadagnin, líder de Branding e Comunicação na Cedro Technologies

Rafaela Damazio, executiva de soluções de negócios na Globo

Guta Tolmasquim, CEO da Brand Gym
Eduardo Tolmasquim, CTO do Purple Metrics
Tuna Maia, Founding Team do Purple Metrics
Damaris Valenzuela, Branding & Design Team leader na Sensedia
Fabio Muniz, CEO da Awari
Pedro C Sirotsky, Founder do B1
Gabriel Daré, Diretor da Sindustrial (futura Gali)
Fabrício Nunes, Head Marketing da Goomer
Lucas Prado, Co-founder da Pier
Kadu Nakashima, Coord. de marketing do Nubank
Lucas Mendes de Paiva, Coord. de Conteúdo no Itaú
Renata Neves B. Trevisan, Head of Marketing na Norsul
Mariana Poczapski, Brand Manager na Sled
Bruno Maletta, Sócio da Cliché
Sergio Gorodski Mondrzejewski, PM da Exame
Lucas Gomes, CEO da OndaSkim
Marcelle Lucena, Designer na Brand Gym
Isabela Tamiris, Coord. de Criação na Magnetis Investimentos
Gabriela Portugal Bendzius, Head de MKT & Growth na ClubSaúde
Leonardo Camacho, Chief Revenue Officer na Movidesk
Allisson Souza, Brand & Creative Manager na Jusbrasil
Filipe Francisco de Sales Oliveira, Brand Designer Senior na Cortex
Alexandre Adoglio, Fundador e CMO na Sonica

brandwhite

Sobre nós

Quem Somos

Purple Metrics | Todos os direitos reservados | 2021

Sobre nós

Quem Somos

brandwhite
Purple Metrics | Todos os direitos reservados | 2021